Brasil: retificação ao segundo

BRASIL16_23_14

A técnica de retificação de mapas natais imprecisos é feita desde tempos imemoráveis na história da astrologia. O mapa do Brasil é o mapa astral da independência do país de Portugal. Foi o momento astrológico que simbolicamente o país se tornou nação. Sabe-se que o grito do Ipiranga ocorreu depois das 16hs podendo ter ocorrido até as horas de vésperas (18hs), quando D. Pedro I deveria chegar no Pátio do Colégio na Vila de Piratininga (São Paulo). Muitos consideram que o horário foi entre 16 e 16:30. Laurentino Gomes escreveu um excelente resumo histórico dessa fase, no livro 1822, com farta literatura referenciada e confirma que D. Pedro estava às margens do Ipiranga nessa hora.

Fizemos um trabalho exaustivo de busca mais apurada dessa hora com base em momentos bem marcados com hora na história do Brasil. Não são muitos podem crer pois é difícil saber a hora exata dos acontecimentos históricos, mas alguns existem, como o suicídio do Getúlio, morte de Ayrton Senna, entre outros.

Mas, ontem, sabíamos que um fato notável ocorreria no mapa do Brasil, quando a lua natal do Brasil ficaria em aspecto exato de oposição com marte. E isso ocorreria segundo nossos cálculos anteriores em torno das 17:00 para o nosso mapa de 16:24 LMT. Todo o céu estava conspirando para o desembarque do PMDB e não tínhamos dúvida que algo ocorreria e dissemos isso na nossa publicação.

E tudo ocorreu às 15h33 conforme o apresentado na televisão ao vivo para o Brasil. Foi visual o horário. Fui ao TransProg, um programa que desenvolvi com as rotinas da NASA, comecei a retificar o horário do Brasil ao segundos, partindo da hora natal de 16:24:00. Vocês não imaginam o que é retificar com a Lua natal, pois ela varia 14 graus por dia, relativamente rápida, mas não tão rápida como o MC e Asc que andam 360 graus em uma rotação terrestre. Seria a primeira vez que veria essa precisão acontecer.

20160329-RetPMDBdesembarque

Mas não foi só isso, à medida que ia fazendo a retificação introduzindo os segundos a menos do que os utilizados 16:24:00 > 16:23:59 > 16:23:58… de forma a acertar o momento da oposição de marte à lua natal, comecei a ver um segundo fator importantíssimo, que se aproximava simultaneamento do evento. Não o havia percebido antes. Era uma semiquadratura do Sol em trânsito ao MC sendo ajustado. Isso é duplamente indicativo do evento astronomicamente marcado e com alta simbologia astrológica de rompimento profundo e instabilizante do governo brasileiro, que havia ocorrido precisamente às 15:13. Momento do desembarque do maior partido de apoio ao governo, com todo o seu séquito de seguidores. Ao ir diminuindo os segundos da hora de nascimento do Brasil, até atingir 16:23:14, fomos vendo o aspecto de sesquiquadratura se tornando partil. Foi o momento da retificação da hora de nascimento do Brasil ao segundo.

 

Acredito agora que temos um mapa bem confiável para as futuras avaliações astrológicas do país. Um trabalho que dedico aos astrólogos que batalham no campo da astrologia mundial e que tentam auferir informações sobre a nação brasileira. Apenas uma contribuição à precisão da astrologia.

 

———

Participe do Grupo ASTROTENDENCIA

Consultas: ADON SALEEBY

Que Brasil temos hoje!?

 

20160329-BrasilHoje

Pelos trânsitos astrológicos, chegamos hoje em um dia de grandes encontros.  Júpiter em seu processo de retrogradação atinge o Sol do Brasil em poucos dias, está a minutos de arco celeste em sua distância ao nosso sol virginiano a 14º33. Mais precisamente,  no dia 9 de Abril às 21:11 ocorrerá esse evento. É mais uma data para se guardar. Mas 9 de Abril é um sábado. Tudo bem, as consequências virão na segunda ou antes. Já comentei ontem sobre o mapa da Dilma e culminando no dia 6, quando ocorrerá a plenitude da progressão secundária conversa do Sol sobre o seu Netuno natal. É o início de seu caminho ao esquecimento.

Mas hoje também temos um aspecto exato, de Marte em oposição a Lua do Brasil, naturalmente que ele faz oposição a Júpiter conjunto a essa Lua. É um aspecto muitíssimo forte.  Isso já está valendo desde ontem e continuará ativo com suas lavas explodindo no dia de hoje. Alguns programas de astrologia confirmam que a oposição exata ocorrerá por volta das 17hs. Certamente, a hora que o PMDB pode dar o seu seu grito de morte ao governo do PT. Essa hora retificará o mapa da nação brasileira na sua hora de nascimento aos segundos. E que se badalem as campanas.

É um momento crucial da nossa história. A nossa conjunção natal Júpiter-Lua em gêmeos, na quarta casa do mapa do Ipiranga, está soando forte o seu agogô nos desígnios da república. Ela representa o povo, o regozijo da nação, o samba no pé e a bola do olé. Mas, mais do que isso, um símbolo de liberdade, pois não somos só bola e nem samba, pois somos um povo com sorriso na face. Não se festeja um PMDB e aliados, também envolvidos na lamaceira da corrupção, mas o símbolo maior da esperança de uma mudança que desejamos para o nosso solo pátrio. O petismo tornou-se símbolo de um pessimismo crescente e, agora, amotinado e vampirizando a nação brasileira. Isso não nos traz felicidade. Eles perderam a noção que está na hora de sair. Não sabem perder, talvez por terem muito que esconder sob as asas de um poder totalmente instável e desacreditado. É sobre o PT que se comemorá a vitória, não pelo PMDB ter tomado a iniciativa. Certamente, a corja legislativa também sofrerá as agruras da justiça no seu devido tempo. Na sala de urgências, o povo está sangrando e o governo nos manda comer brioches. Estamos feridos até as entranhas, com essa economia desencontrada e um descalabro governamental nunca antes visto nesse país. Todos estamos apáticos e perplexos. Catatônicos com esse governo. É o governo que está caindo e isso é um espelho do que o povo, ferido por marte, quer. Não queremos a guerra lulista, mas um caminho para o país com um progresso natural. E assim o marcial marte desfilará na décima casa  do Brasil com sua sanha em punho, cumprindo o seu papel de algoz do governo. É um momento histórico essa terça-feira, mas também dilacerante para a nação. É um golpe certeiro que não precisava ser tão preciso como o que ocorrerá hoje e resvalará nos próximos dias. Mas vai ocorrer. Tenho medo do que se comemorá.

Não estamos à mercê dos astros, mas em sincronia com eles. Agimos como eles estão agindo no céu sobre o nosso Brasil. A astrologia funciona sim.

Yo no creo en las brujas, pero que las hay, las hay…

Participe do Grupo ASTROTENDENCIA
Consultas: ADON SALEEBY

Estou saindo de férias… volto em alguns dias! 

Desculpem meus clientes, vou adiar um pouco as consultas.
Estou precisando, mas podem continuar a enviar seus pedidos. Eu os atenderei na ordem da minha agenda.